16/08/2017 às 17h07min - Atualizada em 16/08/2017 às 17h07min

Indígenas bloquearam rodovias

Manifesto foi contra a votação no STF, do “Marco Temporal”

agazetanews

Indígenas bloquearam o trânsito em trechos da chamada “Guaira-Porã”, nesta quarta-feira, 16 de julho.

Em Amambai os bloqueios aconteceram na MS-156, trecho que liga Amambai a Tacuru, na altura da Aldeia Limão Verde e na MS-386, trecho que liga Amambai a Ponta Porã, na altura da Aldeia Amambai.

Também foi bloqueada a MS-295 que liga a cidade de Paranhos a MS-156, tinha informação sobre bloqueio na MS-295 entre Tacuru e Iguatemi e também foi bloqueado o tráfego na BR-163 entre Caarapó e Dourados, entre outras rodovias no Estado.

O manifesto foi uma reação à votação no STF (Supremo Tribunal Federal) de parecer sobre o chamado “Marco Temporal” que reconhece como terras legitimamente indígenas as áreas ocupadas por índios até a Constituição Federal de 1.988.

O plenário do STF decidiu por 7 a 0, que toda a área que compõe o Parque Indígena do Xingu, o assunto em questão em pauta, é comprovadamente, de ocupação imemorial e contínua por povos originários, não cabendo assim indenização ao estado de Mato Grosso em decorrência da criação da área de proteção.

A decisão era a esperada pelos indígenas e o tráfego nas rodovias foi liberado.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O atual prefeito, Dr Bandeira, deve tentar uma vaga de Deputado Estadual nas próximas eleições?

78.0%
22.0%