28/07/2017 às 10h21min - Atualizada em 28/07/2017 às 10h21min

Em Assembleia Geral professores aceitam proposta salarial do governo

A decisão ocorreu após deliberação das bases

Assessoria/amambainoticias
Os professores e professoras da Rede Estadual de Ensino Público aceitaram a proposta salarial apresentada pelo governo do estado. A decisão ocorreu após deliberação das bases em cada um dos 74 SIMTEDS que compõem a FETEMS(Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul).

A proposta do Governo 

  • Garante o índice de equivalência de 78,16% para integralizar o piso por 20horas, no mês de dezembro de 2017, aplicando o percentual de 7,64% na tabela de dezembro de 2016, dividido em duas parcelas, sendo a primeira de 2,94% em setembro, e 4,7% no mês de dezembro;

    • Integralizar no mês de outubro de 2018 o índice do piso nacional a ser anunciado em 2018, garantindo em outubro de 2018 o índice de equivalência de 78,16%. O reajuste terá como base a tabela de dezembro de 2017, no entanto, havendo concessão de revisão geral aos demais servidores públicos o índice será aplicado, no mesmo período também aos professores, sendo este valor deduzido do índice do Piso Nacional quando da integralização em outubro de 2018;

    • Garante o índice de equivalência de 82,53% no mês de dezembro de 2018;

    • Definir o mês de maio como data base;

    • Mantém a convocação da mesma forma que no primeiro semestre;

    • Não haverá alteração no Estatuto dos profissionais em Educação.

O governo irá encaminhar um Projeto de Lei para à Assembleia Legislativa com a íntegra do acordo para que haja a repactuação da Lei Complementar nº 200.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia de Covid-19?

55.8%
3.3%
32.6%
8.3%