21/06/2017 às 09h51min - Atualizada em 21/06/2017 às 09h51min

Corpos ficam no corredor de hospital em Amambai

Problema é antigo segundo a direção da unidade de saúde

agazetanews

Sem um local adequado, os corpos das pessoas que morrem no Hospital Regional em Amambai, são deixados sobre macas nos corredores da unidade de saúde, enquanto aguardam a remoção por parte das empresas funerárias.

Recentemente o corpo de um adolescente indígena chegou a ficar por mais de um dia no corredor do hospital à espera de remoção.

Além de risco à saúde, a situação também pode ser interpretada como um desrespeito à família de quem tem seus entes queridos exposto em situações dessa natureza.

A direção do HR reconheceu que o problema existe e não é de hoje.

Desde a fundação do hospital nunca houve a instalação de um necrotério adequado que facilitasse a remoção dos corpos por parte das empresas funerárias e que ofereça o mínimo de estrutura para recepcionar os familiares em momento de dor pela perda de um ente querido.

Em administrações passadas da unidade de saúde os corpos aguardavam remoção em um quarto que servia também como almoxarifado, uma situação ainda mais grave, se levado em consideração o risco sanitário.

fonte:agazetanews


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »