26/04/2017 às 11h29min - Atualizada em 26/04/2017 às 11h29min

Professores de Amambai apoiam greve nacional no dia 28 de abril

A decisão foi tomada durante assembleia

Assessoria

A assembleia aconteceu pela manhã na sede do Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação Básica de Amambai (Simted).

O processo de negociação com o executivo municipal, onde a categoria cobra a incorporação do índice de 7,64%, estipulado pelo Ministério da Educação (MEC) como incentivo de valorização profissional, na folha de pagamento, a partir do dia 1º de janeiro, foi um dos temas da pauta da assembleia.

A participação dos trabalhadores da Educação na Greve Geral do dia 28 de abril também foi discutida e votada. Outros assuntos, como eleições na Fetems e no Simted, também fizeram parte das discussões da assembleia.

Sobre a negociação com o executivo municipal, a direção do Simted afirmou que manteve contato com a secretária municipal de Educação, professora Zita Centenaro, e que uma nova rodada de negociação vai acontecer nos próximos dias. 

No que diz respeito à Greve Geral, a categoria deliberou pela participação no movimento e elencou várias ações de mobilização, como reuniões nas unidades escolares e contatos com outros segmentos de trabalhadores, buscando fortalecer as manifestações em Campo Grande e também na cidade de Amambai.

Dois ônibus serão disponibilizados para o deslocamento até a capital do Estado; o horário de saída está marcado para ser às 4h, do dia 28, próxima sexta-feira. No município, ficou marcada concentração, a partir das 18h, na praça Coronel Valêncio de Brum. 

Fonte: Moreira Produções/Assessoria Simted 
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »