23/03/2017 às 19h44min - Atualizada em 23/03/2017 às 19h44min

Mobilização dos trabalhadores da Educação continua

Mantêm-se mobilizados contra a Reforma da Previdência

amambainoticias
Moreira Produções
Durante assembleia geral, realizada na última segunda-feira (20), os trabalhadores em Educação nas redes públicas estadual e municipal de Amambai aprovaram suspensão da greve contra a Reforma da Previdência. A decisão foi tomada após avaliação do movimento de paralisação feita pelos trabalhadores da Educação na assembleia. 

As manifestações contra o executivo municipal estão fundamentadas na falta de pagamento do índice de 7,64, indicado pelo Ministério da Educação (MEC), a partir do mês de janeiro. O executivo municipal alega falta de caixa para efetuar o repasse e que vai realizar enxugamento na folha, buscando garantir o repasse para a categoria.

Depois de várias reuniões de negociação, ficou estabelecido que no início de junho haverá novo encontro para definir um calendário de pagamento. Durante a assembleia, a categoria escolheu uma comissão, formada por representantes de cada escola, para acompanhar as medidas de contenção realizadas pela administração municipal.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia de Covid-19?

56.6%
2.0%
32.9%
8.5%