11/05/2020 às 10h27min - Atualizada em 11/05/2020 às 10h27min

Prefeito mantém salários dos futuros secretários municipais em R$10.000,00

Assessoria
Em Requerimento(013/2020) apresentado e aprovado pelo plenário em Fevereiro, o vereador Geverson Vicentin (PDT) solicitava que o Excelentíssimo Senhor Prefeito Municipal, Edinaldo Luiz de Melo Bandeira, informasse  a Casa de Leis, qual a possibilidade de revogar a Lei nº 2698/2020, aonde se prevê o aumento do subsídio dos Secretários Municipais de Amambai.
Na oportunidade o vereador salientou “Analisando detidamente a Lei nº 2698/2020, de autoria da Mesa Diretora da Câmara Municipal, que trata do aumento do subsidio dos secretários, verifica-se a ausência de ilegalidade e inconstitucionalidade em seu objeto.
Ocorre todavia, que o veto não é materializado apenas quando a ilegalidade ou a inconstitucionalidade na Lei, mas também quando verificado que o texto apresenta-se contrário ao interesse púbico. Partindo dessa premissa entendemos que o momento reclama medidas de contenção de despesas, ainda que futuras, especialmente se tratando de cargo de confiança. Peço a revogação da Lei.
Ao responder o Requerimento, o Prefeito informou que optou pela manutenção do subsídio conforme o aprovado pelo Legislativo e por ele sancionado.
Portanto, o salário dos futuros secretários municipais do próxima gestão, se aproximará dos R$ 10.000,00 (dez mil reais)
Ao comentar a resposta do Executivo, Geverson Vicentin usou da Tribuna do Plenário em Sessão Ordinária da Câmara, para dizer que “já esperava tal atitude por parte do prefeito, haja vista, na sua opinião, ele ser adepto de barganhas eleitorais”.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia de Covid-19?

56.2%
3.3%
32.2%
8.2%