29/01/2019 às 06h59min - Atualizada em 29/01/2019 às 06h59min

Geverson Vicentin participa de manifestação contra ENERGISA

agazetanews/assessoria

Representantes do Poder Público e de vários segmentos da sociedade participaram nessa segunda-feira, 28 de janeiro, de um manifesto contra a Energisa, em Amambai.

A manifestação que teve ponto de coleta de assinatura de abaixo-assinado, caminhada e ato de desagravo, teve por objetivo cobrar da concessionária, resposta e solução em relação ao aumento abusivo do valor da conta de luz cobrada da população, principalmente nos últimos dois meses, bem como maior eficácia em relação aos serviços prestados pela empresa em relação as frequentes quedas e oscilação de energia na cidade e na zona rural e a falta de ação da Energisa para solucionar o problema e na demora em dar resposta à demanda da sociedade local.

Durante todo o dia voluntários mantiveram na Praça Coronel Valêncio de Brum, a praça central da cidade, uma barraca para colher assinatura da população a um abaixo-assinado em protesto contra a empresa.

O vereador Geverson Vicentin esteve no local e deixou sua assinatura no documento.

No final da tarde os manifestantes realizaram uma caminhada até a frente do escritório de atendimento da Energisa, em Amambai, onde foi realizado um ato de desagravo.

O prefeito de Amambai, Edinaldo Luiz de Melo Bandeira, o “Dr. Bandeira”, de quem partiu a iniciativa do manifesto leu um ato de desagravo em desfavor da Energisa e ao final colou o documento do ato público na porta do escritório da Energisa na cidade.

O prefeito ressaltou também que, de posse do abaixo-assinado cujas coletas permanecerão no decorrer da semana, a Prefeitura de Amambai vai protocolar documentos junto ao Ministério Público Estadual em Amambai e a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) em Brasília pedindo providências dos dois órgãos fiscalizadores.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia de Covid-19?

54.6%
6.3%
31.2%
7.9%