06/11/2018 às 04h13min - Atualizada em 06/11/2018 às 04h13min

Polícia Civil desbarata ponto de venda de cocaína

agazetanews

A Polícia Civil desbaratou um ponto de venda de cocaína e prendeu dois irmão sob acusação de tráfico de drogas, na madrugada dessa segunda-feira, 5 de novembro, em Amambai.

Os policiais chegaram ao ponto de venda de drogas situado na Rua Vereador João Neves, proximidades da CASAI, após denúncias anônimas e trabalho de investigação desencadeado pelo SIG (Setor de Investigação Geral) delegacia local.

Em vistoria na residência os policiais encontraram várias porções de cocaína pronta para serem entregues a usuários, além de R$ 37 mil em dinheiro.

Também foram encontrados celulares, óculos, relógios e até um saxofone, supostamente produtos de furto,  que teriam sido deixados no local como forma de pagamento por porções de droga.

Nos fundos da casa foi localizado um fogão a lenha e uma churrasqueira com indícios de que estariam servindo como laboratório artesanal para o refino de cocaína.

Três pessoas estavam na casa na hora da abordagem: os irmãos, Júlio Cesar Rafagnin, de 45 anos e Ângelo Carlos Rafagnin, de 59 anos, moradores no local e mais uma mulher, que segundo a polícia, seria garota de programa e foi arrolada como testemunha no caso.

Os irmão negaram o comercio de drogas drogas, e relataram que a cocaína encontrada na casa seria para consumo próprio e que os R$ 37 mil encontrados na residência e outros R$ 150 mil localizados em duas contas bancárias em nome de Júlio Cesar Rafagnin eram fruto de 30 anos de trabalho, mas posteriormente Júlio confirmou tratar-se de dinheiro de venda de drogas.

Os irmãos foram autuados em flagrante pelo delegado, Dr. Pedro Guimarães Ramalho pelos crimes de receptação, tráfico de drogas e associação para o tráfico.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O atual prefeito, Dr Bandeira, deve tentar uma vaga de Deputado Estadual nas próximas eleições?

77.9%
22.1%