22/01/2018 às 12h15min - Atualizada em 22/01/2018 às 12h15min

Registradas notificações de dengue e chikungunya

Só nos primeiros 18 dias do ano

agazetanews

A cidade de Amambai iniciou 2018 em situação de alerta para a dengue e a febre chikungunya.

Segundo boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde em Mato Grosso do Sul, Amambai registou em 2017, 221 notificações para dengue, sendo que em 204 delas o resultado foi negativo para a doença, 3 foram confirmados como positivos pelo Lacen, o Laboratório Central do Estado e o restante aguardava resultado

Em relação a febre chikungunya, foram registradas 8 notificações da doença com apenas um caso confirmado na região da Vila Limeira.

No caso do zika vírus, doença que como as acima são transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti, foi registrada uma notificação e o exame laboratorial deu negativo para a doença.

De 1 de janeiro até agora Amambai já registrou 12 notificações de casos suspeitos de dengue e 2 casos suspeitos de chikungunya. Todos ainda estão sob análise em laboratório.

As frequentes chuvas aliadas ao clima quente por si só já favorece a proliferação do Aedes Aegypti devido ao acúmulo de água parada, mas a situação é agravada ainda mais com o mato que cresce rapidamente nos terrenos baldios e sobretudo lixo que os próprios moradores acabam jogando nesses terrenos, atitude displicente que coloca em risco a saúde deles próprios e de seus filhos, além de estender a ameaça para toda a vizinhança.

A Secretaria de Saúde da Prefeitura em Amambai alerta para esse risco e pede a participação da sociedade em geral para tentar conter a proliferação do Aedes Aegypti e consequentemente das doenças à ele atribuídas como sendo o vetor e transmissor.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a eleição para Governador fosse hoje, quem teria o seu voto?

35.1%
8.2%
7.6%
22.2%
11.7%
15.2%