15/08/2019 às 07h34min - Atualizada em 15/08/2019 às 07h34min

O Servo Vigilante

“Bem-aventurado aquele servo a quem o Senhor, quando vier, achar fazendo assim. Em verdade vos digo que sobre todos os seus bens o porá” (Lucas 12.43,44)

Todo cristão deve aguardar a vinda do Senhor Jesus, como se fosse agora, neste instante! Assim, quando chegar, não será surpreendido desprevenido, dormindo ou praticando algum pecado: “Estejam cingidos os vossos lombos, e acesas as vossas candeias. E sede vós semelhantes aos homens que esperam o seu senhor, quando houver de voltar das bodas, para que, quando vier e bater, logo possam abrir-lhe” (Lc 12.35,36).
 
Era assim, por parábolas, que o Senhor Jesus Cristo ensinava, sempre usando uma situação como exemplo. Neste caso, Jesus, ensinava seus discípulos, como deveriam esperar a sua vinda; comparou com um senhor que, ao deixar seus servos com suas tarefas a realizar, mandou que vigiassem e não fossem descuidados, mas esperassem preparados pela vinda do seu senhor, já que não sabiam o dia nem a hora da sua volta.
 
Jesus deu um exemplo sobre o dia da sua segunda vinda, comparando com a chegada de um ladrão: “Sabeis, porém, isto: se o pai de família soubesse a que hora havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Portanto, estai vós também apercebidos; porque virá o Filho do Homem à hora que não imaginais” (Lc 12.39,40).
 
O cristão que acha que o Senhor Jesus irá demorar a vir; que tem muita coisa ainda para acontecer antes; e que, por isso, terá tempo suficiente para cometer pecados e então se arrepender e se concertar com Deus, está cometendo um grave erro. Jesus pode voltar em pleno ato do pecado: “Mas, se aquele servo disser em seu coração: O meu senhor tarda em vir, e começar a espancar os criados e criadas, e a comer, e a beber, e a embriagar-se, virá o senhor daquele servo no dia em que o não espera e numa hora que ele não sabe, e separá-lo-á, e lhe dará a sua parte com os infiéis” (Lc 12.54,46).
 
O cristão que sabe o que tem que fazer e não faz, negligencia na obra; sabe que precisa se purificar dos seus pecados e não se purifica; sabe quem tem que se preparar e não se prepara; e não espera Jesus voltar a qualquer momento, será disciplinado severamente naquele Dia: “E o servo que soube a vontade do seu senhor e não se aprontou, nem fez conforme a sua vontade, será castigado com muitos açoites” (Lc 12.47).
 
A nossa preparação para a salvação, começa quando entregamos a nossa vida a Jesus; crendo e se arrependendo dos pecados! Você já entregou a sua vida a Cristo? Já confessou Jesus como seu único Salvador e Senhor? Quando foi isso? Onde? A partir do momento em que entregamos a nossa vida a Jesus, 
Link
Relacionadas »
Comentários »

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia de Covid-19?

54.6%
6.3%
31.2%
7.9%