18/05/2018 às 14h27min - Atualizada em 18/05/2018 às 14h27min

Se os pecados já estão perdoados, por que se converter?

“Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus” (Rm 3.23,24).

Se os nossos pecados já estão perdoados, por que se converter? Poderíamos responder isso com outra pergunta: Se não precisamos nos converter, por que Jesus e seus discípulos deixaram esses ensinamentos? Disse Jesus aos seus discípulos: “Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-as a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém!” (Mt 28.19,20).
 
Jesus ordena a todos que creem que se arrependam dos seus pecados e sejam batizados: “Desde então, começou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos Céus” (MT 4.17). Crer no seu evangelho: “E dizendo: O tempo está cumprido, e o Reino de Deus está próximo. Arrependei-vos e crede no evangelho” (MC 1.15). A escolha é nossa: Crer e obedecer para ser salvo, ou não crer e ser condenado: “Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado” (Mc 16.16).
 
Jesus mandou os primeiros discípulos formarem outros discípulos. Assim, todos que creem, tornam-se discípulos de Cristo e cada um deve carregar a sua cruz: “E quem não toma a sua cruz e não segue após mim não é digno de mim” (Mt 10.38). Ao crer verdadeiramente em Jesus, o cristão passa a recusar, rejeitar e renunciar a todas as velhas práticas pecaminosas: “Todavia, o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniquidade” (2ªTM 2.19). A pessoa torna-se uma nova criatura em Cristo Jesus: “Foge, também, dos desejos da mocidade; e segue a justiça, a fé, a caridade e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor” (2ªTM 2.22).
 
O arrependimento leva a pessoa a mudar suas atitudes, seus conceitos, crucificando suas próprias vontades, os maus desejos da sua natureza humana: “E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências” (Gl 5.24). Aceitar Jesus significa deixar Jesus guiar sua vida totalmente: “Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus” (1Co 6.20). Seja santo: “Portanto, santificai-vos e sede santos, pois eu sou o SENHOR, vosso Deus. E guardai os meus estatutos e cumpri-os. Eu sou o SENHOR que vos santifica” (Lv 20.7,8). “Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor” (Hb 12.14). “Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação. Portanto, quem despreza isto não despreza ao homem, mas, sim, a Deus, que nos deu também o seu Espírito Santo” (1Ts 4.7,8). Jesus te ama!
Link
Relacionadas »
Comentários »

Qual o principal sentimento que você tem em relação à pandemia de Covid-19?

56.8%
1.7%
33.0%
8.5%